Depois Disso, é Aconselhável Redizer O Teste

14 Mar 2019 21:44
Tags

Back to list of posts

<h1>Devolu&ccedil;&atilde;o Do Dinheiro Se N&atilde;o Proteger</h1>

cursosvarios.jpg

<p>Por que dizemos que mestrandos apresentam disserta&ccedil;&otilde;es, sempre que doutorandos defendem teses? Sugest&otilde;es Para Atravessar Nos Concursos E Na Exist&ecirc;ncia atualidade, no Brasil, o normal &eacute; o aspira que sobrevive &agrave; gradua&ccedil;&atilde;o entrar no “mundo desconhecido” da Jornada do Cientista, primeiro fazendo um mestrado para depois fazer um doutorado. Uma respeit&aacute;vel diferen&ccedil;a entre esses 2 cursos de p&oacute;s-gradua&ccedil;&atilde;o &eacute; o requerimento final para se formar: no mestrado &eacute; necess&aacute;rio apresentar uma disserta&ccedil;&atilde;o, enquanto no doutorado tem que-se defender uma tese. No entanto no que diferem estes dois tipos de servi&ccedil;o de conclus&atilde;o de curso? Voc&ecirc; Sabe O Que Vem Ap&oacute;s a P&oacute;s-gradua&ccedil;&atilde;o? /p&gt;
</p>
<p>Do ponto de visibilidade do estilo de reda&ccedil;&atilde;o, teses s&atilde;o um tipo especial de disserta&ccedil;&atilde;o. Academicamente, a diferen&ccedil;a &eacute; muito superior. Uma disserta&ccedil;&atilde;o de mestrado n&atilde;o tem que ser o relato de uma procura original. Em diversos cursos de mestrado, essencialmente os lato sensu (especializa&ccedil;&atilde;o), o candidato podes apenas escrever sobre o assunto um cen&aacute;rio cient&iacute;fico de interesse, resumindo o entendimento na &aacute;rea e, opcionalmente, dando sua opini&atilde;o.</p>

<p>Agora a tese &eacute; uma disserta&ccedil;&atilde;o na qual se defende uma id&eacute;ia cient&iacute;fica original. Comiss&atilde;o Aprova Projeto Que Pro&iacute;be Concurso P&uacute;blico Pra Cadastro De Reserva , pela tese produz-se entendimento novo. Atualmente, mas, a maioria dos programas de p&oacute;s-gradua&ccedil;&atilde;o acad&ecirc;micos (stricto sensu) necessita de que mestrandos tamb&eacute;m defendam trabalhos originais pra colar grau; quem sabe daqui a pouco passemos a chamar ambos os trabalhos pelo mesmo nome. A tese &eacute;, em suma, uma proposi&ccedil;&atilde;o sobre o assunto como d&aacute; certo um fen&ocirc;meno de interesse.</p>

<ul>
<li>Ci&ecirc;ncias Pol&iacute;ticas</li>
<li>Inesp - Desenvolvimento Regional</li>
<li>O Mestrado Profissional vale pra concurso publico</li>
<li>nove NEHTE - N&uacute;cleo de Estudos a respeito Hipertexto e Tecnologias na Educa&ccedil;&atilde;o</li>
<li>oito Campus Uruta&iacute; 2.8.Um Cursos T&eacute;cnicos</li>
<li>cinco &Aacute;reas de procura</li>
</ul>

<p>Ela &eacute; a resposta pra uma pergunta cient&iacute;fica e dessa maneira tem a maneira de uma alega&ccedil;&atilde;o. Desse jeito, n&atilde;o tem significado um candidato a doutor apresentar uma tese, na qual n&atilde;o h&aacute; uma pergunta clara e uma circunst&acirc;ncia devidamente testada. Ao oposto do que muitos pensam, um doutorado sem pergunta n&atilde;o faz sentido; mesmo uma procura de hist&oacute;ria natural bem-feita tem quest&otilde;es e hip&oacute;teses. No doutorado, para se tornar um cientista, o candidato tem que compreender a investigar fen&ocirc;menos e recomendar explica&ccedil;&otilde;es pra eles.</p>

<p>S&oacute; se consegue isto a partir de muito treino no segredo hipot&eacute;tico-dedutivo. Ser cientista &eacute; definir dificuldades cient&iacute;ficos por meio da elabora&ccedil;&atilde;o de hip&oacute;teses e da confronta&ccedil;&atilde;o destas com a realidade, a fim de ajudar a montar arcabou&ccedil;os e teorias. Mas, s&oacute; fazer a busca n&atilde;o basta. Como a ci&ecirc;ncia &eacute; uma atividade social, &eacute; necess&aacute;rio informar as tuas descobertas &agrave; comunidade cient&iacute;fica e tentar convencer os colegas de que tuas interpreta&ccedil;&otilde;es s&atilde;o v&aacute;lidas; sen&atilde;o suas descobertas ser&atilde;o simplesmente ignoradas. Ent&atilde;o a apresenta&ccedil;&atilde;o formal da tese a um comit&ecirc; de cientistas mais experientes, a famigerada banca, &eacute; chamada de defesa. &Eacute; claro que, pra um doutorando, esse &eacute; um est&aacute;gio de muito estresse, tens&atilde;o e inseguran&ccedil;a.</p>

<p>No entanto a defesa nada mais pertence ao que a primeira experi&ecirc;ncia formal com uma atividade que vai ter que ser repetida por toda a carreira. Quando submetemos um manuscrito pra publica&ccedil;&atilde;o numa bacana revista cient&iacute;fica, os debates com o editor e os revisores s&atilde;o, no fundo, uma defesa de tese (todavia sem plateia ou torcida, rs).</p>

<p>Portanto, ao menos nas ci&ecirc;ncias naturais, faz mais sentido que a tese escrita deixe de ter o formato cl&aacute;ssico de disserta&ccedil;&atilde;o e passe a ser uma compila&ccedil;&atilde;o dos artigos derivados das pesquisas feitas pelo candidato durante o curso. E, de prefer&ecirc;ncia, o texto tem que ser escrito a todo o momento pela l&iacute;ngua franca do teu tempo para ser acess&iacute;vel a um n&uacute;mero maior de pessoas no mundo todo. Na atualidade a l&iacute;ngua franca &eacute; o ingl&ecirc;s, por&eacute;m antigamente j&aacute; foram o grego, o latim e o franc&ecirc;s. Voltando ao mestrado, na minha avalia&ccedil;&atilde;o, o significado deste curso deveria ser repensado, j&aacute; que ele acabou virando uma ponte pro doutorado.</p>

Comments: 0

Add a New Comment

Unless otherwise stated, the content of this page is licensed under Creative Commons Attribution-ShareAlike 3.0 License